Branding: Como Criar uma Marca em 2020

Branding: Como Criar uma Marca em 2020

13 min. de leitura  

29 mai 2020

O termo ‘branding’ se tornou um daqueles chavões que todo mundo usa, mas realmente não entende seu verdadeiro significado e propósito. O que é branding, afinal? Como se cria uma marca? Por que as empresas precisam de uma estratégia forte para promoverem suas marcas? Estas são as grandes questões até agora.

Mesmo sem ter muito conhecimento sobre o assunto, muitas empresas estão tentando construir e comercializar suas marcas. A maioria delas falha.

E a razão para isso não é ter uma estratégia de marca clara. Mesmo que você consiga criar uma marca bem sucedida, manter o sucesso a longo prazo é outro grande desafio.

Muitas pessoas pensam que criar uma marca significa criar um logotipo e criar um site. Não podemos negar que esses são componentes muito importantes na construção de uma marca, mas há coisas muito mais importantes que as marcas precisam considerar.

Branding Process

Hartley & Soul

É essencial compreender que a criação de uma estratégia de marca é um processo longo e que requer paciência, tempo e trabalho duro - mas vale muitíssimo a pena! Neste artigo, passaremos pelas 8 etapas da criação de uma estratégia de marca e falaremos sobre razões comuns pelas quais muitas empresas falham. Além disso, discutiremos quais canais usar para sua estratégia de marca.

 

É hora de começar a criar a estratégia da sua marca. Abaixo estão as etapas mais importantes deste processo. Leve em consideração que, se você falhar em uma dessas etapas, pode ser definitivo para você e sua empresa. Agora, vamos às etapas!

 

  1. Defina seu público-alvo

Se você é novo no setor, pergunte-se quem são seus clientes em potencial e como eles dependem do seu produto/serviço, além disso, encontre e analise seus maiores concorrentes. Analise os produtos ou serviços dos seus concorrentes, suas estratégias de marca, seus clientes ou usuários e como as pessoas interagem com seus negócios online e offline.

Se você já tem um negócio estabelecido, analise seus clientes já existentes. Ao conduzir sua pesquisa de mercado, divida seus clientes em segmentos de acordo com seus padrões e motivações comuns. Isso ajudará você a entender qual segmento é mais lucrativo para seus negócios e assim poderá tentar atrair mais clientes semelhantes.

creating a brand

Source: Buffer

Como é um público-alvo ideal? Se sua empresa vende produtos de higiene para homens, um de seus grupos-alvo ideais são mulheres entre 20 e 45 anos que costumam comprar produtos semelhantes para seus filhos, maridos ou namorados.

Este é apenas um exemplo de uma boa pesquisa. Você pode fazer o mesmo pelo seu produto ou serviço. Quanto mais completa sua triagem for, melhor. Essas pessoas podem até mesmo se tornar as embaixadoras da sua marca.

 

  1. Escreva sua declaração de posicionamento no mercado

A declaração de posicionamento da marca é a frase que reflete o que sua empresa oferece, seu público-alvo e os benefícios da sua marca. Para muitas marcas, esse é um grande desafio. Mas, se você realmente entende sua marca e tem em mente a imagem clara de como quer que ela seja percebida por outras pessoas, você pode escrevê-la facilmente com a ajuda de um brainstorming.

A declaração pode ser dividida em três partes: seu público-alvo, o que sua marca oferece e seu backup. Então, idealmente, a declaração de posicionamento será mais ou menos assim:

 

A Renderforest é uma plataforma de branding multi-funcional que fornece às pessoas com idades entre 18 e 50 anos ferramentas online fáceis de usar para criar vídeos, logotipos, mockups e sites. Mais de 10 milhões de projetos já foram criados com a Renderforest.

 

Depois de definir sua declaração, verifique se ela se encaixa na história da sua marca e pense em como ela mudará com o tempo à medida que sua empresa estiver crescendo. Você sempre pode voltar para ela e torná-la mais precisa, única e fiel à sua marca.

 

  1. Desenvolva sua identidade de marca

A maioria de nós reconhece as marcas por seus logotipos ou mesmo pelas cores e mensagens delas. Isso significa que essas empresas desenvolveram com sucesso suas identidades de marca.

Primeiro de tudo, você precisa realizar uma auditoria interna para entender onde sua marca se posiciona no mercado e entre seus concorrentes. Isso te fornecerá informações e que te ajudarão a traçar os próximos passos.

Então, a partir do seu posicionamento, você conseguirá desenvolver os elementos criativos da sua marca, seu próprio guia de estilo.

company branding

Source: Cisco

A identidade da sua marca cumpre um papel essencial em aumentar a exposição da sua empresa e fazer com que mais pessoas saibam sobre a existência dela. Se você atingir o público certo, conseguir impressioná-lo e criar uma conexão emocional com ele, sua marca será lembrada. Você pode aumentar o conhecimento da sua marca online e offline usando diferentes canais.

A identidade do seu negócio é como as pessoas vão reconhecê-lo. É por isso que é crucial ser autêntico e saber transmitir seus valores. Essa deve ser uma parte inseparável da sua estratégia de branding.

 

  1. Marca = Associação

Toda marca está associada a algumas emoções e significados. Vamos dar o exemplo da Apple e da Microsoft. Aqui estão algumas palavras associadas a essas marcas:

branding strategy

Ao desenvolver sua estratégia e identidade de marca, pense por um momento sobre quais significados e palavras você deseja conectar à sua marca. Em seguida, pesquise e desenvolva as táticas necessárias para criar essas associações com o seu público-alvo. Essas táticas incluem suas mensagens e conteúdo, a maneira como você se comunica com seu público e quais as reações que eles têm após cada interação com sua marca.

Algumas empresas esquecem que essas mensagens se trata da relação com os consumidores e da resolução dos seus problemas, não sobre as marcas em si e o quanto elas são incríveis. Portanto, quando as empresas só pensam em se autopromover isso pode resultar em associações negativas.

Se sua empresa tenta resolver os problemas do seu público, educa e fornece a eles o suporte necessário, ela será associada à confiança e profissionalismo.

 

  1. Mantenha a consistência da sua marca

A consistência gera confiança. Esta não é apenas uma afirmação, é um fato. Agora, imagine uma pessoa que muda constantemente de atitude e estilo. Um dia ela é extremamente profissional, em outro dia ela é muito casual e amigável, e então ela desaparece e volta só depois de uma semana. Você confiaria nessa pessoa e faria negócios com ela?

O mesmo vale para o seu negócio. Se você está sempre mudando e é muito imprevisível, as pessoas não confiarão em você e em sua empresa. Desse modo, a consistência é crucial. Mas, como mantê-la?

Manter a estabilidade da sua marca depende diretamente de um trabalho em equipe eficaz. Não importa quantas pessoas estão envolvidas nas atividades do seu negócio, cada uma delas deve conhecer os valores da sua marca e saber como comunicá-los em vários canais. Todos os membros da sua equipe devem ter acesso ao seu guia de estilo da sua marca e aprender a usar esses materiais quando criar qualquer tipo de conteúdo.

brand consistency

Source: Bright Communication

Sempre encontre tempo para monitorar esse processo e, se necessário, aprimore-o. Isso impedirá que você envie sinais contraditórios para o seu público e o ajudará a manter a consistência com sua estratégia de marca.

 

  1. Mantenha relacionamentos positivos com seus clientes

É um fato conhecido que reter seus clientes existentes é mais acessível do que conseguir novos. É por isso que é importante estabelecer e manter relacionamentos positivos com seus clientes. Os membros da sua equipe que trabalham com o atendimento ao cliente devem ter habilidades excepcionais de comunicação, pois tudo depende de como eles fornecem as informações necessárias e transparecem as mensagens da marca.

Uma das melhores maneiras de manter seus clientes satisfeitos é exceder as expectativas deles. Quando você conhece seus clientes e quais problemas eles têm, é possível não apenas resolvê-los, mas também fazê-lo de uma maneira que os faça sentirem-se cuidados e especiais.

 

  1. Faça de seus funcionários os embaixadores da sua marca

Funcionários felizes e satisfeitos são tão valiosos para a empresa quanto para os clientes. A maioria das empresas gasta todo seu tempo e recursos com seus clientes e esquece a importância de seus funcionários.

O que faz seus funcionários felizes? O que eles desejam? Saiba mais sobre eles e que tipo de atividades eles gostam. Organize eventos de formação de equipe que ajudarão a moldar a cultura da sua empresa. Funcionários que estão envolvidos ativamente em diferentes atividades no trabalho têm menos chances de deixar a empresa.

Tudo isso é realmente necessário? Sem dúvidas, pois seus funcionários podem ser os embaixadores da sua marca e podem ajudar a aumentar seu conhecimento, especialmente com a ajuda das redes sociais. Quando seus funcionários compartilham fotos e vídeos mencionando sua empresa nas plataformas sociais, seus clientes podem ver o que acontece lá e como é divertido fazer parte da sua empresa.

Da mesma forma, os funcionários que não estão felizes e satisfeitos com sua empresa podem dar um feedback negativo e afetar a imagem e o marketing da sua marca. Portanto, se você não possui programas de cultura da empresa e de envolvimento dos funcionários, este é o momento certo para começar a desenvolvê-los.

 

  1. Usar Co-Branding

Um exemplo interessante de co-branding é a parceria entre Uber e Spotify. Essas duas marcas colaboraram para criar uma experiência exclusiva para seus clientes. Confira o vídeo abaixo.

Co-branding é a parceria entre duas marcas, que é uma maneira eficaz de alcançar novos mercados e aumentar o conhecimento da marca. Pense nas empresas com as quais você pode colaborar para criar um produto ou recurso diferenciado que seja benéfico para os clientes e seja uma vantagem para todos. Esta não é uma etapa obrigatória, mas pode adicionar alguns pontos à credibilidade da sua marca.

Como Jeff Bezos disse:

 

“A marca para uma empresa é como uma reputação para uma pessoa. Você ganha reputação tentando fazer bem as coisas difíceis.”

 

Ter uma estratégia de marca é essencial para todas as empresas. Siga as etapas acima mencionadas para estabelecer e ajustar seu plano de branding. Entenda seu objetivo e crie uma estratégia forte de marca para obter as vantagens de um negócio bem estabelecido.

 

Por que as empresas falham ao criarem suas marcas?

O que posso fazer para evitar o insucesso? É nisso que a maioria das empresas pensa. Você não pode dizer que não terá sucesso sem tentar e, se tentar, não poderá evitar falhas.

Na realidade, é mais simples do que parece. Abaixo estão algumas razões pelas quais a maioria das empresas falha:

  • Elas não têm visões claras de longo e curto prazo, o que é um grande erro.
  • A identidade da marca e as mensagens da marca não estão sincronizadas.
  • Elas têm como alvo o público errado que não usa seus produtos/serviços.
  • Não há posicionamento definido no mercado.
  • Elas estão ignorando as necessidades de seus clientes.
  • Elas não conseguem lidar com problemas inesperados que surgem ocasionalmente.

 

Esses motivos farão você pensar duas vezes enquanto coloca sua estratégia de marca em ação. No entanto, se sua estratégia falhar, você sempre terá a oportunidade de analisar o que deu errado, melhorar sua estratégia de marca e recomeçar.

Agora que você conhece os principais motivos pelos quais as marcas geralmente falham, vamos ver como você pode evitá-los e implementar uma tática bem-sucedida.

Vejamos o exemplo de uma das marcas mais famosas - Coca-Cola. Ela está em todo lugar. Quando olhamos em volta, há tantas pessoas nas ruas com latas ou garrafas de Coca-Cola, sem falar nos pôsteres e banners em cada esquina. Quando você chega em casa e liga a TV, vê um anúncio da Coca-Cola, e assim por diante.

O que podemos assumir neste exemplo? Esta marca se tornou uma parte inseparável de nossas vidas. O mesmo vale para outras marcas famosas como Apple, Nike, KFC e outras. Assim, podemos aprender com as grandes empresas que você não pode criar marcas tendo apenas uma presença online ou offline, é preciso ter uma combinação dos dois. Sua marca deve estar visível para seu público-alvo em qualquer lugar.

Ao pensar em sua marca, você precisa descobrir onde pode encontrar seu público-alvo e como se tornar parte de suas vidas. Quando você combinar suas estratégias online e offline, estabelecerá um vínculo forte com seus clientes.

Como alcançar seus clientes offline? Aqui estão algumas opções:

  • Faça cartões de visita, merchandise com sua marca e materiais impressos,
  • Obtenha cobertura de jornalistas,
  • Participe de eventos offline, seminários, atividades de networking, feiras,
  • Patrocine um evento,
  • Marketing de Guerrilha.

corporate printing materials Renderforest mockups

No ambiente online há muito mais ferramentas e oportunidades em comparação com o offline, além disso, é mais fácil alcançar seu público-alvo com a ajuda de um plano de ação inteligente. Essas estratégias não se limitam a ter um site e uma página no Facebook, como a maioria das empresas pensa.

Sim, é importante ter um site para que seus clientes em potencial se familiarizarem com seus produtos ou serviços, bem como configurar uma loja online para sua conveniência. No caso dos canais de mídias sociais, você precisa garantir que suas mensagens cheguem ao seu público-alvo.

Em vez de criar um site e esperar que seus clientes simplesmente o acessem ou postar mensagens em plataformas de redes sociais sem um objetivo claro, pare um momento e pense em mudar sua estratégia de marketing online.

O que você pode fazer para comercializar sua marca online? Aqui estão algumas maneiras eficazes:

  • Eduque seu público: comece um blog para compartilhar conteúdo útil e informativo com tópicos do nicho que sua empresa se insere. Isso identificará sua empresa como uma marca profissional e competente.
  • Crie uma comunidade online que possa atrair mais clientes fiéis. Para fazer isso, você pode usar plataformas sociais. Use todas as oportunidades que tiver para se comunicar com seu público e construir um relacionamento forte com eles.
  • Passe credibilidade: clientes felizes e satisfeitos são a chave para o sucesso da sua marca. Peça aos seus clientes que avaliem sua empresa e use esses depoimentos para gerar confiança entre seus clientes em potencial.

 

As pessoas geralmente confiam mais umas nas outras do que em marcas. Portanto, outra maneira de construir sua marca é usando o marketing de influenciadores. Colabore com pessoas que têm uma base de seguidores ativos em diferentes plataformas e que confiam nelas.

branding strategy tips

Source: Social Media Today

Assim, toda vez que os influenciadores postarem algo sobre sua marca, sua mensagem será espalhada entre os seguidores deles. Isso aumentará o reconhecimento da sua marca e trará mais clientes.

Online ou offline? Sempre escolha ambas em uma estratégia combinada para manter sua marca consistente em todos os canais. Teste sua estratégia de marca e ajuste-a. E lembre-se sempre de manter seu público-alvo em mente.

 

Conclusão

É difícil construir uma marca, mas é muito fácil arruiná-la. É necessário elaborar uma boa estratégia que possa te levar ao sucesso. Leia as etapas mencionadas acima para criar uma estratégia de marca eficaz e comece a implementá-las, ao passo que também descobre novas maneiras eficazes de conduzir seu plano de marketing. Mantenha suas estratégias de marketing online e offline em sincronia para se manter consistente e passar confiança ao seu público.

Seu logotipo é parte fundamental da sua marca e aparece em quase todos os lugares online e offline. Você pode criar um com a ajuda da nossa ferramentas de criação de logotipo online. Clique no botão abaixo para começar:

Crie Agora

User Avatar

Artigo por

Dive into our Forestblog of exclusive interviews, handy tutorials and interesting articles published every week!

Leia todas os posts de Renderforest Staff
Artigos ligados
Close icon
Search icon

Would you like to change Renderforest language to English?